sábado, 23 de junho de 2007

e por vezes...

caminhando por blogs magníficos achei esse poema aqui de
David Mourão-Ferreira
e por vezes as noites duram meses e por vezes os meses oceanos e por vezes os braços que apertamos nunca mais são os mesmos. e por vezes
encontramos de nós em poucos meses o que a noite nos fez em muitos anos e por vezes fingimos que lembramos e por vezes lembramos que por vezes
ao tomarmos o gosto aos oceanos só o sarro das noites não dos meses lá no fundo dos copos encontramos
e por vezes sorrimos ou choramos e por vezes por vezes ah por vezes num segundo se evolam tantos anos

Um comentário:

Luci disse...

Olá Flávia...

fiquei super feliz que meu blog seja fonte de inspiração sua...muito obrigada...de maneira alguma me sentiria plagiada...com certeza, devemos passar o que aprendemos, o que gostamos, se não, que sentido faria, guardarmos tudo para nós mesmos, não é?!

de cara gostei do teu blog, as cores, o jeitinho que você arrumou, as fotografias, os pensamentos, tá muito lindo! com certeza, será uma das minhas fontes de inspiração também...continue postando...

bj
:)